quinta-feira, 17 de abril de 2008

Ben Templesmith


Já que se anda a falar tanto nele, por diversos motivos (aconselho a leitura do post no Blog http://nona-arte.blogspot.com/ e também no http://bongop-leituras-bd.blogspot.com/), decidi aqui também falar do rapazinho.

É um jovem de 30 anos, Australiano, que debutou na Image como artista no título Hellspawn em 2002. Não demorou muito a dar nas vistas e a criar a sua própria série, também em 2002: 30 Days of Night na IDW (Idea and Design Works). Mora em San Diego, na Califórnia, onde o podemos ver a deambular, quando não sentado na IDW, na San Diego Comic Con (a quem eu aconselho, também, a visitar um dia e respirar comics à séria durante pelo menos um dia e ver a “Loucura Americana” ao vivo).

Em parelha com Steve Niles é espectacular e a solo também se safa muito bem, mas isto são gostos…e normalmente não se discutem. O Ben é bastante controverso quanto ao estilo, mas consensual quanto à qualidade do que produz. Tem cerca de 15 livros publicados; procurem-nos e leiam-nos que valem bem a pena, julguem-nos, critiquem e comentem por vocês neste post (ou noutro).



7 comentários:

Galmaran disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Bongop disse...

Boas ilustrações essas do templesmith!
Gostei dele no Hellspawn.

luiscomic disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
refemdabd disse...

luiscomic, muito obrigado pelas palavras. Espero poder sempre contar contigo aqui, e ler as tuas opiniões também. Um abraço.

luiscomic disse...

Muito agrado, e muitos aplausos para este excepcional blog que tem tudo para se tornar no blog de referencia para a Banda Desenhada. Escrito em português (do bom) mas que promete cruzar fronteiras.

maurobindo disse...

É hoje o dia, em que finalmente me estreio a comentar neste blogue, o qual gostava desde já de congratular, pois blogues inteiramente dedicados à BD neste nosso Portugal são sempre motivo de celebração.

Já é sabido que adoro o Ben Templesmith, pois quanto à sua qualidade e controvérsia pouca unanimidade haverá.
Obrigado pelo link no post. Espero retribuir em breve com um link na barra lateral do meu espaço.
Abraço.

refemdabd disse...

Comecei pelo post posterior a responder-te, mas aqui vai mais disto: Muito obrigado. É um prazer ler o teu blog e o post sobre a censura no sistema correccional foi um primor.
Já agora, se não te importas, como é que se coloca os links aos outros blogs na coluna da direita? Sou um bocado verde nisto e ainda não consegui descobrir como o fazer.

Grande abraço.